Pense!

´´A comida sem tempero é como a vida sem paixão: não tem sabor e desconhece-se o prazer.`` (Fingalwiils)

quarta-feira, 23 de fevereiro de 2011

A FÓRMULA DA COCA-COLA

Olá!

A fórmula da Coca-Cola.... Será? Acredite se quiser....rsrs

O site de um programa de rádio nos Estados Unidos, revelou, nesta semana, todos os ingredientes da receita mais bem guardada – há mais de 125 anos – do mundo: a fórmula da Coca-Cola. Alguns dos ingredientes listados pelos produtores do programa de rádio This American Life são familiares para qualquer pessoa que já leu o rótulo do refrigerante: água, açúcar, ácido cítrico e caramelo. Mas ninguém imaginava que o refrigerante teria óleos de noz moscada e laranja, ou óleo de neroli. Segundo o site, a receita foi publicada em 1979 em um jornal local de Atlanta, nos Estados Unidos, onde fica a sede da empresa, mas ninguém parece ter prestado muito atenção na época. A reportagem de 32 anos de idade, que estava na página 28 do jornal , mostra a fotografia de uma fórmula que dizia ser a cópia da Coca-Cola. Aparentemente, a fórmula foi escrita por um farmacêutico, amigo do criador da Coca-Cola, John Pemberton, e teria sido passada de mão em mão ao longo de várias gerações. Segundo os jornalista, historiadores e farmacêuticos da época, a fórmula pode ser verdadeira, ou no mínimo, é uma versão da fórmula. A verdade é que, mesmo com a euforia em torno da fórmula, ela é só um detalhe. Imitar a Coca-Cola é ter uma das marcas mais valiosas do mundo, operar em mais de 200 países, ter mais de 90.000 funcionários, ser dona de mais de 450 marcas, ter mais de 20 milhões de pontos de venda, 500 mil caminhões, 10 milhões de vending machines e por aí vai. Resumindo, a Coca-Cola é os Beatles dos refrigerantes.

(retirado do site markenting na cozinha)


Criador da Coca-Cola
John Stith Pemberton

John Stith Pemberton (Knoxville, no Condado de Crawford, 8 de janeiro de 183116 de agosto de1888) foi um farmacêutico e inventor estadunidense responsável por ser o criador da fórmula de uma bebida que esta presente nas geladeiras de milhares de pessoas, a Coca-Cola.


Biografia

O jovem tendo a idade de 19 anos, ganhava sua graduação em medicina e igualmente recebeu qualificação voltada para a farmácia. Após voltar como um herói da Guerra Civil, ele assumiu uma nova paixão: criar uma nova bebida que seria um tanto refrescante, quanto uma bebida que serviria de remédio para dor de cabeça. E então, um dia, em maio de 1886, no interior de sua oficina, ele criou o primeiro lote de que se transformaria na maior bebida refrescante, a Coca-Cola.

Ele era um prático farmacêutico e químico de grande talento, toda a sua vida ativa na reforma médica, e um empresário respeitado. Suas mais duradouras realizações envolvem laboratórios, que ainda estão em operação mais de 125 anos. Mais tarde, Pemberton cresceu e frequentou a escola local, onde sua família viveu por quase trinta anos.

Ele estudou medicina e farmácia na Reforma Medical College of Georgia, em Macon, e em 1850, com a idade de 19, ele estava licenciado para a prática de princípios sobre Thomsonian ou botânicos (tais praticantes depender quase exclusivamente das ervas de remédios e depurar o organismo de toxinas e eram vistas com desconfiança pelo público em geral). Ele praticava medicina e cirurgia primeiro em Rome e seus arredores e, em seguida, em Columbus.

Pemberton serviu com distinção como um tenente-coronel do Terceiro Batalhão Cavalaria Geórgia durante a Guerra Civil (1861-1865) e foi quase morto durante os confrontos em Colombo em abril de 1865. Morreu com 57 anos de idade, no dia 16 de Agosto de 1888.

(retirado do site wikipédia)

Até breve!

Patrícia Morais

2 comentários:

silvana brito disse...

... ela pode ter o que tiver eu continuo amando a coca-cola...
bjs

Patrícia disse...

Infelizmente Sil eu também gosto de coca-cola...rsrs mais ainda prefiro sprite! Bj Bj